sábado, 4 de novembro de 2017

Animais assustadores

O mundo animal está cheio de criaturas bizarras, fofas e... assustadoras. Mesmo assustadoras. Certos animais podem criar medo para um indivíduo, um grupo, uma cidade ou nações inteiras. Aqui veremos os factos e criaturas mais assustadoras de todo o globo! Vão se impressionar... espero eu...


Aranhas, escorpiões, cobras... não! Essas criaturas são piadas da natureza. Eu quero incluir, nesta lista, criaturas que realmente SÃO assustadoras, que podem provocar conteúdo para um filme de terror. Algo que pode matar ou pôr um homem cagado de medo.

O que fariam se vissem esta criatura? E, acima de tudo, o que a faz assustadora?

Vamos ver, o que é que acham que é mais assustador quando andam numa rua escura:
  1. Um leão
  2. Um burro
  3. Uma coruja
  4. Um cão
  5. Uma pessoa
  6. Uma cobra
  7. Um urso


Serão todos estes assustadores? O leão, o cão e o urso podem ser assustadores pois remete-nos ao nosso instinto de sobrevivência, pois estes animais são predadores. As corujas não matam humanos, mas alguns podem ter medo delas, pois isso remete-nos ao nosso instinto de sobrevivência, outra vez, pois os nossos antepassados eram macacos, que eram caçados por grandes aves de rapina. As serpentes também nos assustam, pois as grandes serpentes, como as pitões, são capazes de nos derrubar. Mas, porque é que o burro pode, por vezes, assustar-nos? Por causa dos seus olhos brilhantes? O burro é totalmente inofensivo! Mas assusta por causa dos olhos, que são semelhantes aos olhos dos felinos e canídeos que caçam à noite, com estes olhos brilhantes.
Mas o rei do medo é o homem. A figura humana é muito mais assustadora que a dos outros animais. Mas porquê? Qual é o benefício de sentir medo da nossa espécie? Os humanos não caçam outros humanos... certo? Errado! Os humanos são a perfeita máquina de matar. A humanidade sofreu vários conflitos, guerras, raptos que instalaram o medo dos outros seres humanos, sendo especialmente aqueles que andam em silêncio que são mais assustadores, como se quisessem esgueirar-se para atacar!


E agora que descobrimos aquilo que nos mais assusta, vou quebrar a aracnofobia de todos os meus visualizadores, pois as aranhas são ridículas. E não confundam medo com perigo. Se quiserem animais perigosos vejam este link para uma página do mesmo blog, que fala sobre os animais mais perigosos do planeta:

Mas esta página vai explorar os medos e a natureza animal para descobrir quais são os animais mais arrepiantes do Planeta Terra... e mais além! Quero animais que vos dêem sustos e não arrepios.





Lista:


Nome: Peixe-olhos-de-barril
Tamanho: 20 centímetros de comprimento
Alimentação: Pequenos invertebrados e plâncton
Habitat: Profundezas do mar
Local: Cosmopolita
Tipo: Cordado

O peixe-olhos-de-barril pode ser tanto assustador como fofinho. Os seus olhos enormes lembram um desenho animado... mas lembrem-se, este peixe é REAL! Imaginem o que é estar num submarino e veres, através do visor, um peixe destes a olhar para ti. Este peixe é como se estivesse a entrar dentro da tua alma. Felizmente só tem uns centímetros de comprimento e é completamente inofensivo.


Nome: Lula-vampiro (Vampyroteuthis infernalis)
Tamanho: 30 centímetros de comprimento
Alimentação: Detritos e pequenos invertebrados
Habitat: Profundezas do mar
Local: Cosmopolita
Tipo: Cefalópode

A lula-vampiro é outra das criaturas mais assustadoras da Terra. É inofensiva e é pequena, mas é graças aos seus largos tentáculos espinhosos, ligados por um véu de pele escura, que lhe dá o nome e a reputação necessária para estar nesta lista. Possui ainda bioluminescência, que lhe dá a capacidade de produzir luz natural (activando o nosso medo primitivo dos olhos luminosos dos predadores). Na realidade, a lula-vampiro é muito lenta e apenas abre estes tentáculos apenas quando se sente ameaçada, sendo incapaz de lutar contra os seus atacantes.


Nome: Isópode-gigante (Bathynomus giganteus)
Tamanho: 76 centímetros de comprimento
Alimentação: Detritos e carcaças
Habitat: Profundezas do mar
Local: Oceano Atlântico, Índico e Pacífico
Tipo: Malacostráceo (caranguejos, lagostas, camarões, bichos-de-conta, pulgas-do-mar, etc.)

Para os aracnofóbicos e os insectofóbicos podem facilmente ficar descansados. Sim, este animal na imagem é REAL mas não é uma aranha ou um insecto. Na realidade é um crustáceo, pois as aranhas possuem oito patas e os insectos têm seis (o isópode gigante tem 14 patas). E, para além do mais, é inofensivo.
O isópode-gigante é um parente dos bichos-de-conta, mas vive no mar e é muito maior. O isópode-gigante mais pequeno tem oito centímetros, o que o torna ainda muito grande. O maior encontrado tinha 76 centímetros de comprimento. Estas criaturas alimentam-se de carcaças. É um grande crustáceo não é? Bem, vão ver que, o isópode-gigante, é ainda pequeno, comparado com o titã que ainda está para vir.


Nome: Isópode-come-línguas (Cymothoa exigua)
Tamanho: 2,9 centímetros de comprimento
Alimentação: Línguas de peixe
Habitat: Oceanos
Local: Cosmopolita
Tipo: Isópode (bichos-de-conta e parentes)

Eu sempre tive medo de peixes-palhaço. É tipo uma mistura de It e Jaws. À Procura de Nemo conseguiu quebrar o estereótipo deste animal super-assustador...
Por acaso repararam que existe uma estranha figura, com dois pequenos olhos na boca do peixe? Essa figura é a língua dele! Só que não! É um isópode parasítico que está especialmente adaptado para se alojar na boca dos peixes, comer a sua língua e, de seguida, torna-se na própria língua do peixe.
De terrores gigantes para terrores pequenos. Começo a pensar que os bichos-de-conta do meu jardim têm um lado maléfico e diabólico. Mas, felizmente, este isópode é incapaz de infectar os seres humanos (pois a nossa língua é enorme).


Nome: Caranguejo-aranha-japonês (Macrocheira kaempferi)
Tamanho: 5,5 metros de envergadura
Alimentação: Algas, invertebrados, carcaças e detritos
Habitat: Profundezas do mar
Local: Águas japonesas e arredores
Tipo: Caranguejo

Todos estes crustáceos deram-me fome (a sério, os isópodes-gigantes são comidos em Taiwan e sabem tal e qual como o camarão e o caranguejo). Mas parece que pesquei um muito grande!
O caranguejo-aranha-japonês é o maior crustáceo de todos, podendo chegar a 5,5 metros da ponta de um braço ao outro. É considerado uma boa fonte de comida, no Japão onde, por vezes, é caçado de forma excessiva. Tal como todos os animais anteriormente mencionados na lista, este caranguejo é inofensivo, apesar de haver registos de danos sérios provocados em pescadores.


Nome: Caranguejo-dos-coqueiros (Birgus latro)
Tamanho: 1 metro de envergadura
Alimentação: Cocos, sementes, fruta, carcaças e pequenos animais
Habitat: Ilhas tropicais
Local: Pacífico e Índico
Tipo: Decápode (caranguejos, caranguejos-eremitas, lagostas, camarões, lagostins, etc.)

O caranguejo-dos-coqueiros pode meter calafrios mas é incapaz de matar humanos... Na realidade, nem sequer é um caranguejo, na realidade é um parente dos caranguejos-eremitas, que se caracterizam por ter patas longas e de rastejarem, em vez de andarem. O caranguejo-dos-coqueiros é o maior invertebrado terrestre do mundo.
Este crustáceo é, como o nome indica, um comedor de cocos. Usando as suas pinças, quebra estes frutos e come o interior. No entanto, este crustáceo é um oportunista, procurando qualquer coisa que sirva para encher a sua barriga (se ao menos a tivesse). Lixo, restos de comida, cadáveres e até mesmo alguns animais pequenos podem cair na boca destes gigantes. Felizmente são os humanos que comem o caranguejo-dos-coqueiros e não o oposto, a não ser se o humano for o cadáver...


Nome: Aranha-camelo (também conhecida por solífugo)
Tamanho: 15 centímetros de comprimento (incluindo patas)
Alimentação: Invertebrados, répteis e pequenos mamíferos
Habitat: Deserto
Local: África, Ásia e América
Tipo: Artrópode

Eu prometi a mim mesmo que eu não ia por aranhas nesta lista... e até agora cumpri a minha promessa. A aranha-camelo pode parecer uma aranha, mas na realidade é um parente destas. Na realidade, as aranhas verdadeiras são mais aparentadas com os escorpiões do que com as aranhas-camelo. Por isso, todos os aracnofóbicos podem descansar e deixar que estes pequenos bichos rastejem pelas vossas costas.
Mas existem muitas razões para ter medo destes artrópodes. Para além da semelhança com as aranhas, a aranha-camelo é bem grande! Na realidade, para distinguir a aranha-camelo das aranhas verdadeiras, basta olhar para os pedipalpos, as quais se assemelham a longas patas que saem da cabeça do animal. As aranhas possuem pedipalpos muito pequenos, enquanto que a aranha-camelo possui grandes pedipalpos, que fazem parecer como se tivessem um par extra de patas.
A aranha-camelo é extremamente rápida, podendo chegar aos 16 km/h (ou seja, em um segundo, conseguem percorrer quase quatro metros e meio)! Atravessam uma linha de 50 metros em mais de 11 segundos! Extremamente rápido para um animal tão pequeno.
Possui quelíceras enormes mas, felizmente, não possuem veneno. Caso for mordido por uma não se preocupe!
Durante a Primeira e a Segunda Guerra Mundial, as tropas que se estabeleciam no Egito e na Líbia, apostavam no resultado de uma luta entre aranhas-camelo e escorpiões! Melhor do que box!
Assustador, mas fixe!


Nome: Lula-gigante (Architeuthis dux)
Tamanho: 13 metros de comprimento (incluindo tentáculos)
Alimentação: Peixes e cefalópodes
Habitat: Profundezas do mar
Local: Cosmopolita
Tipo: Coleóideo (todos os cefalópodes, excepto náutilos)

A lula-gigante é um dos maiores invertebrados do planeta, mas é tão obscuro que pouca gente sabe sobre como vive. As imagens e vídeos destas criaturas são muito raras e, geralmente, causam um calafrio.
Com 13 metros de comprimento, a lula-gigante é um monstro. Mais de 80% do comprimento desta lula são os tentáculos, por isso não deve ser difícil agarrar num ser humano. Felizmente, a lula-gigante não costuma sobreviver por muito tempo na superfície da água, preferindo as profundezas. Pelo contrário, os humanos não conseguem sobreviver nas profundezas, devido à imensa pressão subaquática, preferindo a superfície. Por isso, é improvável que as lulas-gigantes e os humanos provoquem encontros violentos entre si. Ainda assim, a lula-gigante é um verdadeiro monstro marinho e, graças aos cadáveres de lulas-gigantes e às feridas encontradas em cachalotes (os predadores naturais deste cefalópode), podemos afirmar que, debaixo do mar, existem batalhas épicas a acontecer lá em baixo!


Nome: Alforreca-gigante (Cyanea capillata)
Tamanho: 2 metros de diâmetro
Alimentação: Peixe, crustáceos, cefalópodes, etc.
Habitat: Águas temperadas e frias
Local: Árctico, Atlântico Norte e Pacífico Norte
Tipo: Semaeostómio (grandes alforrecas)

A alforreca-gigante é a maior alforreca do mundo. Este mergulhador deve estar super-impressionado enquanto nada com este titã dos oceanos. Esta alforreca pode também ter grandes tentáculos, que podem ultrapassar os 35 metros de comprimento, mais comprido que uma baleia-azul. Não muito assustador, de facto, mas é algo. Tal como todas as alforrecas, possui veneno, mas é incapaz de matar seres humanos, apenas causando vermelhidão ao contacto com a pele.


Nome: Lula-de-braços-longos
Tamanho: 5 metros de comprimento (incluindo tentáculos)
Alimentação: Pequenos animais
Habitat: Profundezas do mar
Local: Cosmopolita
Tipo: Cefalópode

A lula-de-braços-longos é o material que forma os teus pesadelos! Inofensivo, com certeza, mas definitivamente aterrador. Um corpo pequeno que está ligado a tentáculos extremamente grandes. Parece o primeiro encontro entre a humanidade e uma raça alienígena.
No entanto, a lula-de-braços-longos é mais um animal sem qualquer perigo para o homem. É lenta e não possui qualquer interesse em caçar e enfrentar animais maiores que uma bola de futebol. Acredita-se que alimenta-se de quaisquer animais que, por acaso, se enrolaram nos seus tentáculos.


Nome: Peixe-frade (Cetorhinus maximus)
Tamanho: 12 metros de comprimento
Alimentação: Plâncton, crustáceos e pequenos peixes
Habitat: Mar aberto
Local: Cosmopolita
Tipo: Cordado

O peixe-frade é o segundo maior peixe de todos e é aterrador. É, na realidade, um tubarão gigante. Apenas não é o maior peixe por causa do tubarão-baleia mas, como é azul às pintinhas, nunca o iria colocar na lista. Aterroriza todos os mergulhadores com uma boca que pode chegar a um metro de diâmetro quando aberta e dentes com... seis milímetros?! Este tubarão é completamente inofensivo e, apesar de ter a boca monstruosamente grande, não caça nada maior que uma sardinha. Os dentes do peixe-frade são tão pequenos que ele precisa de nadar de boca aberta para que possa capturar os pequenos animais marinhos que flutuam na água.
Até agora tive dificuldade em encontrar um monstro tanto assustador como perigoso. Bem, isso está prestes a mudar.


Nome: Foca-leopardo (Hydrurga leptonyx)
Tamanho: 3,5 metros de comprimento
Alimentação: Invertebrados, peixes, aves, focas bebés, etc.
Habitat: Mares polares
Local: Oceano Antárctico
Tipo: Caniforme (cães, ursos, focas, doninhas, etc.)

Por que é que ninguém colonizou a Antárctida? Porque é frio, não tem terreno propício para cultivar plantas,... certo? Mas também porque existe um monstro a viver nas águas deste continente inóspito: a foca-leopardo. O segundo predador de topo da Antárctida.
A foca-leopardo apenas não é o predador de topo por causa da orca, mas a orca não mata humanos na natureza e não é assustadora. Esta imagem reflecte tudo o que esta foca é: uma caçadora.
Ataques já foram documentados, incluindo uma morte! Kirsty Brown foi morta, em 2003, por uma foca-leopardo que a empurrou 61 metros abaixo do mar. A equipa foi incapaz de reanimá-la, acabando por morrer.
O primeiro terror mortífero da nossa lista... e não vai ser o último.


Nome: Tubarão-dorminhoco-do-Pacífico (Somniosus pacificus)
Tamanho: 7 metros de comprimento
Alimentação: Moluscos, crustáceos, peixes e toninhas
Habitat: Mares temperados e frios
Local: Pacífico Norte
Tipo: Squaliforme (tubarões-dorminhocos, tubarões-lanterna, etc.)

Deixei as aranhas para longe, apenas para incluir os tubarões. Os tubarões sim são assustadores.
O grande tubarão branco, que muitos pensam ser o maior peixe capaz de matar humanos, possui pouco mais de seis metros de comprimento. O tubarão-dorminhoco-do-Pacífico consegue ultrapassá-lo com sete metros. Esta imagem é da cabeça de um exemplar super-gigante da espécie que possui sete metros de comprimento, um tubarão titã!
O tubarão-dorminhoco é um tubarão lento e preguiçoso, normalmente alimentando-se de pequenos animais. No entanto, grandes espécimes, como estes, foram registados a caçar salmões e toninhas. A toninha, especialmente, é um mamífero marinho, aparentado com os golfinhos. Possui cerca de um metro e meio de comprimento e é, acreditem ou não, uma presa deste tubarão monstruoso. Se um pequeno cetáceo pode cair na boca de um tubarão-dorminhoco... porque não um ser humano?


Nome: Ganso-do-canadá (Branta canadensis)
Tamanho: 2,24 metros de envergadura
Alimentação: Erva, sementes, folhas, frutos, insectos e peixe
Habitat: Floresta boreal, tundra, pradaria, etc.
Local: América do Norte, Europa do Norte e Nova Zelândia
Tipo: Ave anseriforme (patos, gansos, cisnes, anhimas, etc.)

O que poderia ser mais assustador que um bando de monstros a cobrir os céus!!!
Sim... um ganso! Vocês devem pensar que eu me tornei num ornitofóbico (medo de aves), mas existem fortes razões para temer estes animais. E não são assustadores pelo seu aspecto, mas pelo seu comportamento. São espécies super adaptadas a viver no ambiente urbano e, aliado ao seu comportamento territorial, tornam esta ave excepcionalmente agressiva! Quando se sentem ameaçados, erguem-se, abrem as asas e fazem um sibilo ameaçador, mordendo e batendo as asas no atacante, de seguida. Mas é no céu que estas aves provocam mortes...
Em 1995, um avião comercial, no Alasca, foi contra um bando de gansos-do-canadá, perdendo carga nos motores, levando à queda do avião e à morte de todos os passageiros! Este é um entre muitos acidentes que envolvem aviões e gansos, demonstrando o seu perigo. Mas os acidentes podem ocorrer em proporções muito maiores...!
Bandos de gansos podem ser tão evidentes que podem alertar sensores de detecção de mísseis nucleares! Sim, bandos de gansos podem ser mal interpretados como mísseis nucleares! Isto já aconteceu, e mais do que uma vez! Imaginem se os EUA interpretassem mal o falso alarme... ocorreria uma guerra nuclear! Uma guerra nuclear, causada por GANSOS!
Número 1 desta lista, sem dúvida!


Nome: Cachalote (Physeter macrocephalus)
Tamanho: 20 metros de comprimento
Alimentação: Lulas, peixes, polvos, tartarugas, etc.
Habitat: Oceanos
Local: Cosmopolita
Tipo: Mamífero artiodáctilo (veados, bovídeos, girafas, porcos, camelos, hipopótamos e cetáceos)

Eu tentei... não há nada mais aterrador que o mar. Os monstros marinhos que lá vivem (especialmente os maiores) são assustadores. Apesar da sua natureza dócil, os cetáceos (baleias, golfinhos, cachalotes, etc.) são assustadores também.
O cachalote é o maior animal com dentes do planeta! Esta imagem é a de um mergulhador a filmar estes gigantes a dormir! É assim que os cachalotes dormem. Como minas subaquáticas, prontas para nadar subitamente, quando são acordadas.
Felizmente, estes mamíferos são, geralmente, inofensivos. Mas isso não significa que sejam capazes de matar um homem!


Nome: Baleia-de-bossa (Megaptera novaeangliae)
Tamanho: 19 metros de comprimento
Alimentação: Peixe, lulas e krill... a não ser se algo mais estiver no seu caminho
Habitat: Oceanos
Local: Cosmopolita
Tipo: Mamífero artiodáctilo

Nada assustador, meus amigos. As baleias são totalmente inofensivas, pois só comem peixe, krill e outros pequenos animais. Totalmente inofensivas...
ERRADO! Quer dizer, correto! As baleias são inofensivas. Elas não matarão seres humanos, desde que estes não as estejam a incomodar. As baleias não querem saber dos humanos, de facto. Tanto que, se quiserem abrir a boca para poder apanhar um cardume de peixe podem, sem querer, engolir uma canoa!!! Esta imagem demonstra um canoeiro a remar o mais que pôde para escapar às gigantescas mandíbulas deste monstro desdentado. Felizmente, a imagem é FALSA! Exacto! Mas, ainda assim, retrata uma realidade que podia realmente ter acontecido.
APENAS TENHAM CUIDADO COM AS BALEIAS!



A música de Roberto Carlos foi só para quebrar o momento chocante oferecido nas linhas anteriores... Não foi muito adequado, pois não?


Nome: Humano (Homo sapiens)
Tamanho: 1,8 metros de altura
Alimentação: Vegetais, marisco, carne, cogumelos, etc.
Habitat: Cidades, savanas, montanhas, tundra, pradarias, florestas, desertos, etc.
Local: Cosmopolita
Tipo: Simiiforme (símios e macacos)

Este humano não é lá muito assustador, de facto... Oh! Vocês estavam a olhar para o facto de ele estar todo coberto de abelhas?! Simples, ele colocou feromonas no seu corpo que atraíam as abelhas, fazendo com que elas pensassem que tu eras a rainha delas. Nada de especial.
Mas os humanos são assustadores, especialmente entre si. Este homem pode estar coberto de abelhas pela manhã e assaltar a tua casa com uma pistola na mão durante a noite! É preciso dizer mais alguma coisa, sobre esta espécie? Bem me parecia!





Perguntas e respostas:

Falando de animais assustadores, o medo pode ser tanto que mal conseguimos saber do que realmente temos medo. E aqui vão umas imagens para ver se vocês realmente sabem que RAIO DE ANIMAL é este... e aquele...:


Este é o interior da boca de um animal... mas o que poderia, por acaso, precisar deste arsenal todo? Mas que raio é isto? Respondam nos comentários, se desejarem:


  • Um verme gigante
  • Um peixe-pedra
  • Não é uma boca! É o clitóris de uma hiena!
  • Uma tartaruga-de-couro
  • Um polvo-dumbo
  • Uma pitão-reticulada
  • Um tubarão-areia
  • Um peixe-tigre
  • Uma moreia




Desde que viste o filme Arrival, tudo aquilo que vês é uma evidência de que os extraterrestres chegaram à Terra! Ao navegar num barco pesqueiro... tu vês ISTO! O que é?!

  • Uma baleia
  • Uma enguia-pelicano
  • Um testículo de cachalote
  • Uma tecnologia secreta da Área 51
  • Uma alforreca-gigante
  • Um balão atmosférico
  • Uma lula-gigante
  • Uma caravela-portuguesa
  • Uma colónia de cnidários
  • Uma nave alienígena
  • Uma imagem falsa





Conclusão

O mundo animal é assustador mas, desde que tu não nades por cima de um bando de baleias, tu vais ficar safo.











HAVE A NICE DAY!

2 comentários: