sexta-feira, 10 de julho de 2015

Chimpanzés

Os chimpanzés são os primatas vivos mais aparentados com os seres humanos. Surgiram há cerca de 4 milhões de anos em África e são uns dos animais mais inteligentes que já alguma vez existiram, apenas ultrapassados pelos golfinhos e pelos humanos. Existem, pelo menos duas espécies na África Central que usam a sua inteligência para sobreviverem. Não há outro animal que seja comparado ao humano da mesma maneira que o chimpanzé e isso vai ser provado...


O chimpanzé-comum (Pan troglodytes) é a espécie mais conhecida de chimpanzés. Os seus comportamentos assemelham-se bastante aos dos seres humanos e partilham cerca de 99% do nosso ADN. Alimentam-se principalmente de vegetais, mas também complementam a sua dieta com insectos e carne de macaco ou antílope. São dos poucos animais que fazem guerra contra outros da mesma espécie. Constroem ferramentas, como paus afiados e seixos partidos.
Há tanta coisa que nós podemos extrair dos conhecimentos que temos hoje sobre chimpanzés que ainda terei de esperar para contar.


O bonobo (Pan paniscus), também designado chimpanzé-pigmeu, é uma espécie, não menos interessante, de chimpanzé nativa da África Central. Usa paus para testar a profundidade da água e é mais pacífico.
No entanto, uma das naturezas mais estranhas do bonobo é a forma como resolve conflitos, o qual é o facto de serem mais pacíficos. Vários membros do grupo, independentemente das diferenças de sexo e de idade, acasalam várias vezes por dia, sem fins reprodutivos, para se relacionarem e entrarem em acordo. O que para nós é um aperto de mão, para os bonobos é uma coisa completamente diferente.


Factos sobre chimpanzés:


No famoso filme "O Planeta dos Macacos: A Origem" ocorre uma invasão mundial em que os símios revoltam-se e são liderados por um chimpanzé chamado César. As controvérsias sobre o avanço dos chimpanzés são bastante óbvias. Os chimpanzés aguentam-se bastante mal em duas pernas e provavelmente ainda andariam melhor em quatro. No final, César fala como um humano (em inglês), mas a anatomia do chimpanzé não permite pronunciar a linguagem humana. Para um chimpanzé, basta apenas compreender essa linguagem, uma coisa que se sabe que são capazes.


Os chimpanzés são, predominantemente, herbívoros. Apesar de se saber que os chimpanzés são omnívoros, cerca de 5% da sua dieta é composta por carne. No entanto, há registos de chimpanzés a caçarem macacos, gálagos e antílopes.
A sua inteligência na caça é utilizada com paus afiados como lanças. Encurralam a presa e espetam-na com os paus.
A inteligência dos chimpanzés pode ser criativa, até mesmo no campo do humor. Ao ensinar chimpanzés a falar a língua gestual inglesa, um explicador poderia dizer "Põe um tomate na caneca" e o chimpanzé responderia "Põe tu a caneca no tomate", e depois ri-se alto. Isto seria, praticamente, inadmissível há cerca de 50 anos, mas hoje sabe-se que muitos animais produzem e expressam as suas emoções de maneira muito semelhante o dos seres humanos.

Sem comentários:

Enviar um comentário